Operação Antifake: Gaeco e polícias desarticulam esquema de fraudes e corrupção em Ibiara e Conceição

Uma força-tarefa composta pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), Polícia Militar e Polícia Civil deflagrou na manhã desta terça-feira (20) a “Operação Antifake” no Sertão da Paraíba. A ação teve como objetivo desarticular um esquema de fraudes em licitações e desvio de verbas públicas nos municípios de Conceição e Ibiara.

A investigação, conduzida pelo Gaeco, identificou fortes indícios de direcionamento em licitações para a contratação de empresa para coleta de resíduos sólidos em Conceição. A operação busca coletar provas que comprovem o direcionamento do contrato e identifiquem os responsáveis pela fraude.

Em Ibiara, a operação mira um esquema de corrupção que teria desviado recursos públicos do município. A investigação aponta para reiterados pagamentos a serviços que não teriam sido prestados ou realizados de forma incompleta. A ação busca identificar os autores do esquema e recuperar os valores desviados.

A “Operação Antifake” conta com a participação de 83 agentes públicos, incluindo 24 membros e servidores do Gaeco, 26 policiais militares e 23 policiais civis (delegados e investigadores). Estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão em endereços de cinco investigados e duas empresas, uma em cada cidade.

Feliphe Rojas

Feliphe Rojas