‘Quanto mais regional, mais universal’: Elba Ramalho comemora indicação ao Grammy Latino


Chico César também foi indicado, na categoria “Melhor Canção em Língua Portuguesa”, com a música “Do Acaso". Elba Ramalho comemorou sua nona indicação ao Grammy Latino 2023, com o álbum "Elba Ramalho no Maior São João do Mundo”. Ao g1, a artista paraibana que já ganhou a premiação duas vezes, destaca que "(a música) quanto mais regional, mais universal". A lista completa com os nomes dos indicados foi divulgada nesta terça-feira (19). LEIA TAMBÉM: Grammy Latino 2023: confira a lista com todas as categorias e indicados ao prêmio Premiação vai acontecer no dia 16 de novembro na Espanha Elba Ramalho comemora indicação ao Grammy Latino Elba Ramalho foi indicada ao Grammy Latino 2023 pela categoria “Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa”, com o álbum “Elba Ramalho No Maior São João Do Mundo”, gravado no São João de Campina Grande, na Paraíba. Cantora Elba Ramalho Divulgação O álbum foi gravado ao vivo no dia 23 de junho de 2019, noite de São João, em Campina Grande. No palco do Parque do Povo, Elba apresentou diversas referências da música nordestina e recebeu nomes como Agnes Nunes, jovem radicada na Paraíba que tem se destacado na cena musical. Por conta da pandemia da Covid-19, o álbum só foi lançado em 2022 e recentemente recebeu o Prêmio da Música Brasileira. Esta é a nona vez que Elba Ramalho é indicada ao Grammy Latino. A paraibana já ganhou o prêmio duas vezes. Elba conta que não costuma gravar discos para ganhar prêmios, mas ser laureada é sempre um reconhecimento. Além disso, a artista relembra que já ganhou o Grammy Latino outras duas vezes, sempre cantando e exaltando as raízes da cultura nordestina. E afirma que quanto mais regional sua obra é, mais universal ela fica. Chico César Chico César, cantor Divulgação O paraibano Chico César foi indicado para concorrer ao prêmio na categoria “Melhor Canção em Língua Portuguesa”, com a música “Do Acaso", escrita por ele e Ronaldo Bastos. A canção está no álbum “Vestido de Amor”, de Alice Caymmi, e é finalista do Grammy Latino junto com outras músicas de nomes como Djavan e Chico Buarque. Ao g1, Chico César fala que ficou muito feliz em compor "Do Acaso" com Ronaldo Bastos, um dos principais letristas da MPB desde os anos 60. E quando gravaram com Alice Caymmi, Chico conta que ficou emocionado com a voz da cantora e a elogia, chamando-a de "fantástica". Ele comemora a indicação ao Grammy Latino ao lado de nomes que admira como Chico Buarque, Ney Matogrosso e Criolo. Chico comenta que "é um prazer sentir que a música caminha pelo mundo". Chico César fala sobre a indicação ao Grammy Latino pela música "Do Acaso" Alice Caymmi e Chico César em ilustração da capa do single 'Do acaso' Divulgação Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba
g1 > Paraíba

g1 > Paraíba