Mais da metade dos pessoenses deve comprar presentes no dia dos pais, aponta pesquisa


Neste ano de 2023, mais pessoas querem presentear os pais em comparação com o ano passado. O percentual de 56,10% cresceu 4,39 pontos em relação a 2022. Comércio João Pessoa Francisco França/Jornal da Paraíba Mais da metade dos pessoenses deve comprar presentes no dia dos pais, em 2023, conforme uma pesquisa de intenção de compras realizada pelo Instituto de Planejamento, Estatística e Desenvolvimento da Paraíba (INDEP), da Fecomércio Paraíba, na Região Metropolitana de João Pessoa. Neste ano de 2023, mais pessoas querem presentear os pais em comparação com o ano passado. O percentual de 56,10% cresceu 4,39 pontos em relação a 2022. Para o presente deste dia dos pais, os paraibanos serão mais generosos e o gasto médio com as compras deve ser de R$199,37, valor 3,08% superior ao registrado no ano anterior. A maior parte dos entrevistados (42,17%) deve comprar presentes com valores entre R$101 e R$ 200. Em seguida aparece um percentual de 25,65% que pretende gastar em torno de R$51 e R$100 e 11,74% querem gastar até R$50. E um grupo de 2,17% dos respondentes manifestaram o desejo de comprar presentes com valores acima de R$800. Mais uma vez, os presentes preferidos serão os itens de vestuário, citados por 51,30% dos entrevistados. Em seguida, aparecem calçados (15,65%), perfumes (14,78%), relógios (7,39%), artigos de couro como carteiras e cintos (6,09%) e eletrodomésticos/ eletroeletrônicos (4,78%). Neste último, os destaques ficaram por conta dos aparelhos de som (45,45%) e dos smartphones (36,36%). Neste quesito, os respondentes puderam citar mais de um tipo de presente, por isso o somatório ultrapassa 100%. Em relação à forma de pagamento, a maioria (67,39%) pretende comprar à vista. Entre estes, 57,42% querem usar o pix, 34,84% vão fazer o pagamento em espécie e 7,74% pagará com débito em conta. É importante ressaltar que esta escolha está diretamente ligada ao percentual de desconto oferecido pelos empresários. Já entre os que vão optar por pagar a prazo (32,61%), todos irão usar o cartão de crédito e, destes, 72,00% querem parcelar entre duas e quatro vezes suas compras. Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba
g1 > Paraíba

g1 > Paraíba