Mulher denuncia cárcere privado após agressões em Campina Grande; suspeito é namorado da vítima


Vítima passou cerca de cinco dias presa no apartamento do suspeito, onde sofreu agressões físicas e psicológicas, no Complexo Aluízio Campos. Central de Polícia Civil de Campina Grande Reprodução/TV Paraíba Uma mulher de 23 anos foi resgatada em Campina Grande, Agreste da Paraíba, após sofrer agressões físicas e psicológicas. A vítima relatou à Polícia Civil que o autor das agressões é seu namorado, que a manteve em cárcere privado por cerca de cinco dias. As agressões ocorreram no apartamento do suspeito, no Complexo Aluízio Campos, na zona sul de Campina Grande. Segundo a vítima, ela visitou o apartamento do suspeito e ele a manteve presa no local por cerca de cinco dias, e, dentro deste período, a vítima foi agredida fisicamente, na região do braço e também no rosto, e psicologicamente. A mulher conseguiu sair do apartamento do namorado com a ajuda de uma amiga, e, auxiliada por familiares, denunciou o caso na Delegacia da Mulher de Campina Grande. Após a denúncia, uma medida protetiva foi concedida à vítima. Não há informações sobre o suspeito de agredir a vítima. Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba
g1 > Paraíba

g1 > Paraíba