Dom Delson se diz traído e aponta vergonha após escândalo do Padre Egídio e ressalta importância do Hospital Padre Zé: “Farol de esperança”

Dom Manoel Delson, arcebispo Metropolitano da Paraíba, expressou sua tristeza diante do escândalo financeiro envolvendo o padre Egídio de Carvalho, ex-diretor do Hospital Padre Zé e ex-secretário-executivo da Ação Social Arquidiocesana (ASA). Durante uma coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira (10), o líder da Igreja Católica no estado compartilhou seus sentimentos, classificando o ocorrido como uma fonte de grande vergonha e traição.

“Tristeza muito grande que um ministro de Deus tenha se envolvido numa coisa dessa natureza… o sentimento é de vergonha. Me sinto traído, porque [ele] foi preparado para anunciar o evangelho, testemunhar a fé, para estar a serviço dos mais pobres”, disse.

WhatsApp Image 2023 10 10 at 12.28.25 980x653 1Dom Delson também destacou que o patrimônio identificado no nome do padre Egídio é “assombroso”, considerando que um sacerdote recebe aproximadamente três salários mínimos por mês: “Isso nos entristece muito. É uma questão muito grave, porque um sacerdote deve servir aos mais pobres”.

A nova gestão do Hospital Padre Zé revelou que a instituição acumula R$ 3 milhões em dívidas. Em parceria com a Arquidiocese, o novo diretor anunciou que serão realizadas campanhas junto a empresários para “ajudar a salvar o hospital”.

Visita

Dom Delson visitou o Hospital em um gesto que reforça a importância da instituição para os mais necessitados e para a sociedade em geral.

A visita teve início com a celebração de uma emocionante missa na capela do Hospital Padre Zé. Durante a homilia, Dom Manoel Delson destacou a importância da fé como fonte de conforto e força para os pacientes e suas famílias que enfrentam momentos difíceis de saúde. Ele ressaltou que a missão do hospital vai muito além do atendimento médico, abrangendo também a assistência espiritual e o apoio emocional.

“O Hospital Padre Zé é um farol de esperança para muitos que buscam não apenas a cura física, mas também a cura espiritual. É um local onde a solidariedade e o amor ao próximo são colocados em prática diariamente, refletindo os ensinamentos de Cristo”, declarou Dom Delson durante a missa.

Após a celebração, o Arcebispo da Paraíba, acompanhado pelo Padre Luiz Júnior, Vigário Geral da Arquidiocese, e o Padre George, novo Diretor do Hospital, e também o diácono Allan Karlos, fez questão de visitar os enfermos que se encontravam nos quartos e nas enfermarias do hospital. Ele conversou com pacientes, ouviu suas histórias e ofereceu palavras de consolo e encorajamento. Muitos pacientes relataram o quanto a presença de Dom Delson trouxe conforto e serenidade em um momento tão delicado de suas vidas.

Dom Manoel Delson também se encontrou com a equipe médica e os voluntários que trabalham incansavelmente para garantir o bem-estar dos pacientes e o funcionamento adequado da instituição. Ele expressou sua profunda gratidão pelo compromisso e dedicação de todos os profissionais de saúde e voluntários do hospital.

Ao falar com a imprensa presente no local, Dom Delson enfatizou a importância do Hospital Padre Zé na sociedade paraibana. Ele respondeu todas as perguntas feita pelos jornalistas sobre a investigação pela qual passa o hospital e destacou que a instituição desempenha um papel fundamental no atendimento às pessoas mais vulneráveis, oferecendo serviços de saúde de qualidade e promovendo valores de solidariedade e amor ao próximo.

“O Hospital Padre Zé é um exemplo vivo da compaixão e do cuidado que devemos ter uns pelos outros, especialmente pelos que mais necessitam. É uma referência não apenas em João Pessoa, mas em toda Paraíba, e devemos apoiar e valorizar o trabalho que é realizado aqui”, afirmou o Arcebispo.

A visita de Dom Manoel Delson ao Hospital Padre Zé foi um momento de profunda reflexão sobre a importância da solidariedade e da fé na vida das pessoas. O gesto do Arcebispo Metropolitano da Paraíba serviu como um lembrete de que, em tempos de desafios e adversidades, a união e o cuidado mútuo são fundamentais para construir uma sociedade mais justa e compassiva.

Dom Delson se diz traído e aponta vergonha após escândalo do Padre Egídio e ressalta importância do Hospital Padre Zé: “Farol de esperança” apareceu primeiro em WSCOM.

Wallyson

Wallyson