Suspeitos de estuprar e agredir mulher em Ingá, PB, têm prisão convertida em preventiva


Segundo a Polícia Civil, o crime teria acontecido no último domingo (21) após uma vaquejada. Vítima recebeu atendimento médico e foi liberada. Homens são presos suspeitos de estuprar e agredir mulher em Ingá, PB Reprodução/TV Paraíba Os dois homens que foram presos nesta terça-feira (23) suspeitos de estuprar e agredir uma mulher na cidade de Ingá, no Agreste da Paraíba, tiveram as prisões em flagrante delito convertidas para preventivas. Segundo a Polícia Civil, o crime teria acontecido no último domingo (21) e começou em uma vaquejada em Itatuba. Durante a festa, dois homens suspeitos do crime ameaçaram a vítima com uma arma e mandaram ela subir em uma moto. Conforme o relato da vítima à polícia, eles saíram de Itatuba para Ingá, onde ela foi novamente abusada e os suspeitos tentaram matá-la. No entanto, a mulher conseguiu fugir. Segundo a polícia, a vítima conseguiu se esquivar dos suspeitos e pedir ajuda a outra mulher, que acionou a polícia logo depois do crime. A vítima reconheceu um dos suspeitos, que foi preso em flagrante. O outro suspeito também foi localizado e preso. Os homens seguem presos e devem responder pelos crimes. A vítima recebeu atendimento médico e foi liberada. Vídeos mais assistidos da Paraíba
Habilitar notificações    OK Não Obrigado