Professor é levado à delegacia após denúncia de assédio sexual contra alunas em Campina Grande


Suspeito foi autuado por assédio sexual. Conforme a Polícia Civil, como cabe fiança para o crime, não é possível afirmar se ele ficará ou não preso. Central de Polícia Civil de Campina Grande Reprodução/TV Paraíba Um professor de 47 anos foi levado à delegacia nesta quinta-feira (28), suspeito de abusar sexualmente de duas alunas da escola Dom Luiz Gonzaga Fernandes, localizada no bairro das Malvinas, em Campina Grande. Compartilhe esta notícia no Whatsapp Compartilhe esta notícia no Telegram Segundo a Polícia Militar, uma equipe de policiais foi chamada até a instituição após receber a denúncia de que uma estudante havia sido vítima de assédio sexual. Quando a PM chegou ao local, uma vítima, de 14 anos, e a mãe dela, contaram que o professor teria tentado beijar o pescoço da adolescente e dito que a boca dela é bonita. Já outra adolescente, de 15 anos, relatou que o suspeito havia tentado puxá-la pelo cabelo e elogiado os seios dela. O professor foi autuado por assédio sexual. Conforme a Polícia Civil, como cabe fiança para o crime, não é possível afirmar se ele ficará ou não preso. À TV Paraíba, a direção da escola disse que as estudantes relataram o crime para ela e que chamou o professor para conversar. Ele teria negado as ações. A direção contou, ainda, que faria um relatório para pedir que ele deixasse a escola e acionaria o Conselho Tutelar. Mas, antes que fizesse isso, o crime foi denunciado. Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba
Habilitar notificações    OK Não Obrigado