Parceria cria projeto de inclusão sociodigital que atenderá comunidades carentes de Campina Grande


O Projeto Info Livre, criado em parceria entre a FIEP, o MPPB e a PMCG, tem o objetivo de oferecer capacitações em cursos de Informática e Inclusão Digital para profissionais que atuam em cooperativas de catadores de materiais recicláveis de Campina Grande. O projeto Info Livre busca oferecer capacitações e inclusão sociodigital as comunidades carentes de Campina Grande. Divulgação/Fiep Através de uma iniciativa conjunta da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba – FIEP, do Ministério Público do Estado - MPPB e da Prefeitura Municipal de Campina Grande, os catadores de materiais recicláveis do município e a comunidade próxima às cooperativas serão capacitadas digitalmente, através de formações que misturam informática, educação ambiental e cultura digital. O termo de parceria entre as instituições, para a criação do projeto, foi assinado na última sexta-feira, 22, na sede do Ministério Público do estado. Participaram da assinatura, o presidente da FIEP, Buega Gadelha, o Promotor de Justiça do Meio Ambiente, Hamilton Neves, e o Coordenador administrativo das Promotorias de Justiça de Campina Grande, Bertrand de Araújo Ásfora, representando o Procurador Geral de Justiça da Paraíba, chefe do Ministério Público da Paraíba, Antônio Hortêncio Rocha Neto. “Com este projeto que será executado de forma conjunta com o MPPB e a PMCG, estaremos diminuindo as desigualdades e dificuldades de acesso às tecnologias de informação, proporcionando aos catadores e seus familiares o acesso a capacitações e também a oportunidade para que possam se profissionalizar num setor essencial e que oferece amplas possibilidades que é o de TI”, disse o presidente da FIEP, Buega Gadelha. A FIEP fez a doação de 20 computadores para o projeto, e vai ceder, em sistema de comodato, uma carreta-escola para que o projeto possa, no futuro, ampliar o processo de capacitação e inclusão digital. O termo de parceria foi assinado na última sexta-feira, 22, entre as instituições. Divulgação/Fiep Estiveram presentes ainda a Superintendente Regional do SESI/PB, Geisa Brito, a Gerente Executiva de Educação do SESI, Katharine Hluchan, a Secretária de Ciência e Tecnologia de Campina Grande, Laryssa Almeida, e o Secretário de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, Geraldo Nobre Cavalcanti, além de Lenon Andrade e Laudjane Trindade, servidores públicos do quadro de carreira do MPPB e idealizadores do Projeto. O Projeto Info Livre tem o objetivo de oferecer capacitações em cursos de Informática e Inclusão Digital para profissionais que atuam em cooperativas de catadores de materiais recicláveis de Campina Grande, bem como às comunidades próximas às escolas em que será instalado. A iniciativa consiste num modelo eficiente de inclusão sociodigital, que além promover a cidadania dos catadores, utilizará equipamentos de informática - computadores desktop e notebooks - doados pelas instituições parceiras do projeto, para a instalação de uma Lan House Social que vai oferecer capacitações para catadores, seus familiares e pessoas das comunidades. A expectativa é que três Lan Houses Sociais entrem em funcionamento na primeira quinzena do mês de agosto, nas Escola Municipal Manoel da Costa Cirne, no Pedregal, Escola Municipal Paulo Freire, no Mutirão e na Escola Municipal Dr. Chateaubriand, no bairro José Pinheiro.
Habilitar notificações    OK Não Obrigado