Prefeito de João Pessoa anuncia reajuste salarial para servidores da saúde e outras medidas para área


Também foram anunciadas a implantação de prontuário eletrônico para bebês, a construção de novas UPAs e a realização de 6 mil procedimentos, como exames, consultas e cirurgias. Cícero Lucena, prefeito de João Pessoa Secom PMJP/Divulgação O prefeito Cícero Lucena, anunciou durante entrevista coletiva à imprensa, na manhã desta quinta-feira (7), uma série de medidas (entenda cada uma delas mais abaixo) para a área da saúde de João Pessoa. Entre elas, está a reforma da rede de atenção básica da cidade, a construção de novas Unidades de Saúde e novas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e reajuste nos salários dos servidores. Os investimentos passam dos R$ 50 milhões. Compartilhe esta notícia no Whatsapp Compartilhe esta notícia no Telegram Outra medida anunciada é a realização de seis mil procedimentos (entre exames, consultas e cirurgias). Estrutura No segmento estrutural, foi anunciada a reforma de todas as unidades básicas de saúde e a construção de outras 12. O serviço de urgência também deve ser reforçado com a construção de duas novas UPAs. O prefeito, inclusive, assinou a ordem de serviço para a reforma de cinco unidades básicas de saúde, localizadas no Colinas do Sul, Viver Bem (13 de Maio), Mangabeira Integrada, Nova Conquista (Alto do Mateus) e Ilha do Bispo, além do CAPS AD do Rangel, do CEO Mangabeira e da coberta da enfermaria Filomena do Hospital Santa Isabel. Aumento salarial Também foi lançado um programa de estímulo que inclui aumento de 33% sobre o salário-base, o direito do médico de PSF dar dois plantões semanais de 12h nas UPAs, recebendo R$ 1.185 por plantão, e a implantação de gratificação por zonas de vulnerabilidade e dificuldade de contratação (grupo 1 – R$ 1 mil; grupo 2 – R$ 2 mil; grupo 3 – R$ 3 mil). Profissionais de nível superior médico assistencial recebem aumento de 33% sobre o salário-base e aumento de 58% sobre o plantão extra (concursados/prestadores de serviço), cujo valor vai de R$ 750,00 para R$ 1.185. No caso do nível superior assistencial (enfermeiro, fonoaudiólogo, assistente social, nutricionista, dentista, psicólogo, fisioterapeuta, bioquímico, biomédico e farmacêutico) foi anunciado um aumento de 33% sobre o salário-base e aumento de 58% sobre o plantão (acima da carga horária). O valor do plantão extra para superior (concursados/prestadores de serviço): vai de R$ 154 para R$ 243. O programa também se estende para outros profissionais. No caso do nível técnico assistencial (auxiliar de saúde bucal, técnico de enfermagem, técnico de laboratório e técnico de radiologia), vai haver incorporação da complementação sobre o salário-base (transformando o salário base no valor cheio do salário-mínimo), aumento de 33% sobre o salário base (após incorporação da complementação) e aumento de 58% sobre o plantão (acima da carga horária). O valor do plantão extra (prestadores de serviço/concursados) passa de R$ 65 para R$ 103. Servidores administrativos receberão 10% de aumento no salário base. Cirurgias, exames e consultas Outro anúncio é o da união dos programas “Opera João Pessoa” e “Opera Paraíba”, com o objetivo de aumentar a capacidade de atendimento municipal. Devem ser realizados seis mil procedimentos nos próximos três meses, incluindo cirurgias, exames e consultas. Fazem parte desses procedimentos, cirurgias ortopédicas, de vesícula, de hérnia e de catarata. Eles serão realizados no Hospital Santa Isabel, no Complexo Hospitalar de Mangabeira e no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena. Já os exames e consultas incluem ultrassonografia, mamografia, radiografia, eletrocardiografia, ecocardiografia, exames laboratoriais e consultas em cardiologia, ortopedia, cirurgia geral, oftalmologia e consultas em circulação vascular. Estes procedimentos serão realizados ainda neste mês de julho nos bairros Mangabeira (Ginásio Hermes Taurino, dias 9 e 10), em Cruz das Armas (Escola Professor Oscar de Castro, dias 16 e 17), no Costa e Silva (Escola Duque de Caxias, dias 23 e 24) e em Valentina (Escola Dom Helder Câmara, dias 30 e 31). Todas as ações acontecem das 8h às 17h. Prontuário eletrônico A partir de julho toda criança que nascer em João Pessoa terá um prontuário eletrônico criado. Da mesma forma, o benefício vai ser aplicado imediatamente a todos os pacientes do Complexo Hospitalar de Mangabeira. O sistema já é utilizado em 22 Unidades Básicas de Saúde. Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba
Habilitar notificações    OK Não Obrigado