João Pessoa abre 150 vagas do EJA para público de 18 a 29 anos que não concluiu ensino fundamental


Abertura de novas vagas faz parte do projeto Projovem Urbano, do Ministério da Educação. Educação de Jovens e Adultos, EJA Patrícia Motta Foram abertas 150 novas vagas para o público entre 18 e 29 anos, que não concluiu o ensino fundamental, mas sabem ler e escrever, através do programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA), anunciou a Secretaria de Educação e Cultura de João Pessoa (Sedec) nesta terça-feira (5). O período de matrículas já está aberto. Elas podem ser feitas na Escola David Trindade, na rua José Mendonça de Araújo, 88, em Mangabeira I. A Sedec também está realizando as matrículas, enviando equipes ao bairro de Mangabeira durante o mês de julho. As aulas já vão começar no dia 11 de julho e vão durar cerca de 18 meses, segundo Socorro Diniz, chefe de Divisão do EJA, disse em nota. "A EJA é uma modalidade de ensino da educação básica voltada para atender pessoas que não tiveram oportunidade de estudar na chamada ‘idade certa’, que foram excluídas por diversas questões, das quais destacamos as de ordem econômica e social. Essa parte da sociedade, na faixa etária entre 18 e 29 anos, tem sido prejudicada mais ainda nesse período de pandemia’’, ressaltou. A coordenadora do programa também destacou que o público-alvo das vagas passou por grandes percalços para conseguir estudar nos últimos anos, e essa oportunidade poderá ajudar na vida dessas pessoas. Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba
Habilitar notificações    OK Não Obrigado